Notícias Associados

Ministro da Economia visita Panidor

Manuel Caldeira Cabral, ministro da Economia, ficou a conhecer o funcionamento da Panicongelados


Manuel Caldeira Cabral, ministro da Economia, acompanhado pelo leirience João Vasconcelos, actual secretário de Estado da Indústria, visitou as instalações da Panicongelados, em Monte Redondo, Leiria, responsável pela marca de produtos de padaria e pastelaria Panidor.

Para além de ficar a conhecer o funcionamento da unidade, a visita oficial serviu também de para a tutela passar "a mensagem que os pagamentos dos incentivos comunitários", no âmbito do quadro de apoio europeu Portugal 2020, "estão a acontecer". A garantia é dada pelo próprio ministro, cuja presença na Panicongelados serviu também para confirmar que "o dinheiro está a chegar às empresas".

"Quando chegamos ao governo, constatámos que haviam alguns problemas nos pagamentos", afirmou o ministro. Os investimentos para o desenvolvimento apoiados por fundos comunitários eram uma "questão central do problema macro-económico do Governo", acrescentou, tendo a iniciativa '100 milhões em 100 dias' sido criada para esse efeito. "Este projeto é para continuar", assegurou Manuel Caldeira Cabral. "Queremos continuar a pôr este dinheiro, que é das empresas, nas empresas que querem e estão a investir para melhorar a sua produção, alargar a sua capacidade e exportar para novos mercados, como é o caso da Panidor", disse. 

O Projeto '100 milhões em 100 dias', iniciado à um mês, entregou 15 milhões de euros para investimentos nos últimos quatro dias "a algumas dezenas de empresas", afirmou o ministro, que revelou ainda que, na próxima semana e meia, será entregue outra quantia semelhante. O objetivo é, naturalmente, atingir a meta dos 100 milhões de euros.

Para além do financiamento, o projeto inclui medidas de simplificação de pagamentos, um aumento do capital disponibilizado às empresas logo no início, e a dispensa de garantias bancárias para ter acesso aos apoios.

Manuel Caldeira Cabral deixou o repto para que os empresários "avancem com os pedidos de pagamentos" de fundos europeus, porque as instituições responsáveis pela tomada de decisão e encaminhamento de dinheiros "já estão com o sistema oleado", disse, acrescentando ainda que, nas próximas semanas, várias empresas "estão em linha para receber".

"O que se quer é que o ritmo [das entregas] vá acelerando", explicou o ministro, que acrescentou que "o relançamento [das empresas] requer investimento". No ano passado foram entregues quatro milhões de euros dos fundos europeus; este ano, a quantia já ascende a mais de 20.

Uma empresa de olhos postos no futuro

Com uma produção de cerca de um milhão de pães por dia, o que, no final do ano, representa perto de 250 milhões de unidades de produto, a Panicongelados mantém atualmente 240 trabalhadores na unidade de Monte Redondo, onde está sediada. Ao todo, 300 pessoas trabalham nas diferentes unidades do grupo.

A Panicongelados dedica-se à produção de massas congeladas e exporta há mais de uma dúzia de anos. Já com instalações a trabalhar no Brasil, a empresa teve um volume de exportação de cerca de 15%, em 2015, esperando um volume de exportações "entre os 25 e 35% este ano".

"Casamos rusticidade com automação", explicou Sérgio Fonseca, diretor de qualidade e segurança alimentar da unidade, assinalando o facto de as pedras utilizadas nos fornos serem "as mesmas dos fornos tradicionais". Atualmente, funcionam três linhas de padaria, duas delas completamente automatizadas, de onde os pães saem ultra-congelados, com uma cozedura de 70%.

in Diário de Leiria, 20-01-2016

Ler mais ...

HOT NUTS ORIGINAL REFORÇA INVESTIMENTO NO MERCADO INTERNACIONAL


A Hot Nuts Original é uma nova marca de aperitivos, projetada a pensar no mercado internacional.

Nuno Guterre, CEO da empresa, explica à Vida Económica que houve a preocupação de criar uma imagem muito forte, aliada a um produto diferente e inovador. Trata-se de uma marca de snacks com diferentes sabores para um tipo específico de bebidas.

Para ler a notícia na integra, clique aqui.

 

In VidaEconómica, 11-12-2015

 

 

Ler mais ...

Alentejo: Produtos Agroalimentares Internacionalizados

A Associação de Defesa do Património de Mértola (ADPM) aderiu, no passado dia 23 de novembro, à Rede PortugalFoods de modo a promover os produtos alentejanos, essencialmente através da participação em diversos eventos de internacionalização em mercados prioritários.

A integração da ADPM na PortugalFoods permite à associação mertolense «fortalecer a estratégia que tem vindo a desenvolver ao nível do apoio à comercialização dos produtos da região Alentejo, nomeadamente pela participação em diversos eventos de internacionalização em mercados prioritários, contribuindo assim para a unicidade e imagem de excelência destes produtos, as suas marcas e as suas empresas» disse Jorge Revez, presidente da ADPM.

A PortugalFoods, com mais de 130 associados, é uma associação responsável pela inovação e internacionalização do setor agroalimentar nacional. É formada por empresas, por entidades do sistema científico e tecnológico nacional e por entidades regionais e nacionais que representam os vários subsetores que compõem o setor agroalimentar português.

 

In Tribuna Alentejo Online- 03-12-2015

Ler mais ...

ADPM adere à Rede PortugalFoods para promover produtos do "seu" Alentejo

A Associação de Defesa do Património de Mértola (ADPM) assinou, no passado dia 23, o protocolo de adesão à PortugalFoods, sendo agora uma das suas associadas convidadas.

A integração na PortugalFoods permite à ADPM «fortalecer a estratégia que tem vindo a desenvolver ao nível do apoio à comercialização dos produtos da região Alentejo, nomeadamente pela participação em diversos eventos de internacionalização em mercados prioritários, contribuindo assim para a unicidade e imagem de excelência destes produtos, as suas marcas e as suas empresas».

Com mais de 130 associados, a PortugalFoods é uma associação responsável pela inovação e internacionalização do setor agroalimentar nacional.

Formada por empresas, por entidades do sistema científico e tecnológico nacional e por entidades regionais e nacionais que representam os vários subsetores que compõem o setor agroalimentar português, a PortugalFoods é um “espaço” onde estas entidades estabelecem relações win-win, tendo como objetivo final a produção e partilha de conhecimento como suporte à inovação e à competitividade.

 

In Sul Informação Online- 01-12-2015

 

Ler mais ...

SALAME DE CHOCOLATE PORTUGUÊS GANHA PRÉMIO DE INOVAÇÃO INTERNACIONAL

A empresa Chocolame arrecadou o prémio de Inovação na categoria Biscuits , atribuído durante o evento “Wabel Grocery Summit” no passado dia 28 de Outubro, em Paris, onde a PortugalFoods esteve presente com 7 empresas nacionais, a reunirem com cerca de 50 compradores de cadeias de distribuição internacionais.

Segundo Paula Martins, Administradora da Chocolame "foi um grande privilégio receber o Wabel Grocery Award  e considerarem como Innovative Product o Bolo de Chocolate e Biscoito com Frutos Silvestres da gama Chocolame. Este prémio traduz o reconhecimento da inovação que a Chocolame tem continuamente vindo a conferir aos seus produtos, neste caso no Salame de Chocolate, um produto tão tradicional em Portugal, mas ao qual conferimos novas formas de conservação, novas formas de apresentação e novos sabores, inclusive com adição de frutos, de forma a posicioná-los junto de um target que procura produtos exclusivos, únicos e diferenciadores.  O facto de possuirmos certificação IFS, proporciona aos nossos clientes a garantia de segurança alimentar. Considero no entanto, que é um prémio merecido por qualquer das empresas Portuguesas presentes no evento".

O evento Wabel Grocery Summit, que vai já na sua terceira edição, é um ponto de encontro entre empresas alimentares europeias e compradores para a categoria de marca de distribuição das grandes cadeias de retalho, na sua maioria europeias também mas de outros pontos do globo.

Participaram, sob a marca chapéu PortugalFoods: Fábrica de Conservas A Poveira, Cerealis, Chocolame, Cister (Raimundo e Maia),  Maçarico, Nutricafés e Vieira de Castro, tendo sido a estreia de uma marca chapéu portuguesa neste evento.

 

Ler mais ...

Associados da PortugalFoods distinguidos no Concurso "Queijos de Portugal 2015"

 

No passado dia 2 de novembro, o ‘Encontro com o Vinho e Sabores 2015’ foi palco da revelação e entrega de prémios do ‘Concurso Queijos de Portugal 2015’, uma iniciativa da Associação Nacional dos Industriais de Lacticínios (ANIL). Um em cada categoria, são vinte os eleitos como Melhores Queijos de Portugal, aos quais se juntam 40 referências distinguidas com menções honrosas, num universo de quase duas centenas de queijos que este ano foram postos à prova.

A PortugalFoods tem o prazer de parabenizar os seus associados distinguidos neste concurso!

Confira todos os Prémios e Menções Honrosas aqui.

Fonte: ANIL

 

Ler mais ...

Cantinho das Aromáticas conquista 4 estrelas nos Great Taste Awards 2015

O prestigiado concurso mundial Great Taste Awards 2015 atribuiu uma estrela a 4 produtos diferentes da empresa Cantinho das Aromáticas: duas para os Lotes Reserva para Infusão e mais duas para os Lotes Tisanas para Infusão.

Ler mais ...

Ketchup "À PORTUGUESA" coloca o país no pódio da Inovação na Alemanha

O Ketchup "À PORTUGUESA" foi considerado um dos produtos mais inovadores do mundo, tendo chegado ao Top 15 da Feira ANUGA (uma das maiores feiras alimentares do mundo, que reúne milhares de produtos das mais diversas geografias).

Ler mais ...

Últimas Notícias

    T: (+351) 220 966 021
F: (+351) 220 966 733
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
developed by Brandit